Criado para a guerra, hoje vive seu glamour

A palavra jipe é um aportuguesamento do termo em inglês jeep, derivado da pronúncia em inglês da sigla GP, que significa general purpose ou “uso geral”, embora essa não seja a origem da marca Jeep.  É comum que muitas conversas sobre o jeep se iniciem baseadas nos inúmeros “mitos” criados ao redor desse veículo.

A Ford começou a produzir o jeep sob licença da Willys, no início de 1942.

Um dos pontos positivos que levou a Willys a ganhar a concorrência foi o seu motor, apelidado de “Go Devil”, de 64hp, que superou todos os outros em performance.

A Ford criou a tão conhecida grade dianteira estampada, com nove aberturas, que foi adotada na linha de montagem da Willys, no lugar da trabalhosa grade de grelha dos modelos 41.

Karl Probst acabou sendo o único nome na lembrança dentre os muitos anônimos que participaram da criação do “mito” jeep, em especial, pelo fato de ter acusado o exército americano de ter “roubado sua idéia” e apresentado seus desenhos às outras fábricas concorrentes.

Publicado por: quadx4