Disputas acirradas em Itupeva (SP)

Português Luis Oliveira é o piloto mais rápido da etapa de abertura, que movimentou o Shopping SerrAzul neste fim de semana (18 e 19)


Itupeva (SP) –
O Brasileiro de Enduro FIM 2017 teve início com disputas acirradas e grande movimentação dos fãs do motociclismo no Shopping SerrAzul, em Itupeva (SP). Após dois dias de prova, os vencedores da etapa de abertura foram definidos neste domingo (19), com destaque para o piloto Luis Oliveira. O português foi o mais rápido na soma dos resultados da classe E1 e Enduro GP (geral).

O evento teve como características percurso bem marcado, equilíbrio entre os competidores e forte presença do público na área de box. Todos puderam acompanhar as novidades do campeonato, que inclui equipes e pilotos renomados e a versão 2017 das motos mais desejadas do off-road.

“Começamos com o pé direito, a prova foi impecável. O Brasileiro de Enduro FIM apresentou novos patrocinadores em 2017 e tem um horizonte muito promissor”, analisou Maurício Brandão, diretor da modalidade na Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM).

As disputas envolveram 11 categorias, além da Enduro GP, sendo que o campeonato conta com o patrocínio de Rinaldi. Os apoiadores são MRPRO Braces, ASW, Sacramento Motorsports, Orange BH, Zanol Parts e Edgers. Confira o que disseram os líderes e a classificação do campeonato:

Luis Oliveira (Honda Racing), vencedor da classe E1 e da Enduro GP – “Fui campeão brasileiro em 2014 e pude perceber que o campeonato está ainda mais disputado nessa temporada. Fiquei feliz, porque o equilíbrio entre os pilotos valoriza a conquista e é bom para todos: atletas, equipes e, principalmente, para o público.”

Júlio Ferreira (Honda Racing), vencedor da classe E2 – “Foi uma ótima oportunidade de analisar os concorrentes e ver o que posso melhorar no meu trabalho. Pude perceber que qualquer erro pode ser fatal, já que poucos segundos separam os pilotos nos resultados.”

Rômulo Bottrel (KTM Orange BH), vencedor da E3 – “Os pilotos fizeram tempos muito próximos e estou bastante feliz, ainda mais porque foi a primeira vez da minha carreira que competi no Brasileiro com uma motocicleta de motor dois tempos. Comecei bem e tem muito pela frente, o ritmo do campeonato está puxado.”

Vinícius Calafati (KTM Sacramento Racing), vencedor da EJúnior – “Sofri uma penalização no primeiro dia e hoje entrei mais focado. Consegui um ritmo forte, fiz o melhor que pude, e veio a vitória. O Brasileiro está acirrado e espero conquistar o bicampeonato da classe EJúnior.”

Nielsen Bueno (KTM Sacramento Racing), vencedor da Over 35 – “Foram dois dias de ótimas disputas. A técnica e o preparo físico dos pilotos fez toda a diferença. Fiquei satisfeito com o resultado e espero continuar na frente, já que o objetivo principal é repetir o feito do ano passado e ser campeão da Over 35.”

Janaína Souza (Honda Motofield), vencedora da Feminina – “Estou contente demais. Fiz uma cirurgia no ano passado e fiquei quatro meses sem andar de moto, mas eu me senti plena na abertura do Brasileiro e consegui ritmo forte. Estou 100% preparada para buscar o tricampeonato nacional em 2017.”

Thiago Wernersbach (Honda Moto Litoral), vencedor da Light – “É a minha estreia na equipe, que também é nova no campeonato, e me dei muito bem na prova. O terreno era liso com especiais abertas e, mesmo eu gostando mais de trilhas fechadas, consegui fazer um bom resultado. Estou muito feliz.”

Cassiano Tebaldi (KTM Sacramento Racing), vencedor da Over 40 – “Nada é melhor do que começar o campeonato com vitória. Defendo o título da categoria e cumpri as expectativas de um bom desempenho. Eu não caí e nem cometi erros, portanto fiquei muito satisfeito.”

Laurindo Zatorski Filho, vencedor da Over 45 – “Foi um fim de semana de especiais técnicas e rápidas, e os pilotos tiveram que se adaptar às dificuldades do circuito. O evento estava bem organizado e com ótima estrutura para o público.”

Sérgio Colett, vencedor da Over 50 – “A abertura do Brasileiro foi nota 10, os organizadores estão de parabéns. As especiais estavam boas e com trechos de alta velocidade. Comecei mais tranquilo, mas depois a pilotagem fluiu.”

Willian Palandi, vencedor da EAmador – “A criação da categoria EAmador foi uma grande motivação para a minha estreia no Brasileiro, já que eu competia apenas em eventos regionais. Gostei muito de ter participado e espero manter o ritmo para subir no pódio em todas as etapas.”

Classificação – Campeonato Brasileiro de Enduro FIM 2017

Enduro GP
1 – Luis Oliveira – 47 pontos
2 – Rômulo Bottrel – 42
3 – Júlio Ferreira – 34
4 – Vinícius Luis da Silva – 30
5 – Loandro Anton – 29

E1
1 – Luis Oliveira –50 pontos
2 – Loandro Anton – 42
3 – Victor Miranda – 38
4 – Bruno Crivilin – 36
5 – Ripi Galileu – 32

E2
1 – Júlio Ferreira – 47
2 – Diego Colett – 42
3 – Ian Blythe – 39
4 – Ronald Santi – 38
5 – Maurício Rizzon – 34

E3
1 – Rômulo Bottrel – 50
2 – Rigor Rico – 42
3 – Gustavo Pellin – 42
4 – Nicolas Rodriguez – 36

EJúnior
1 – Vinícius Calafati – 45 pontos
2 – Vinícius Luis da Silva – 45
3 – Gabriel Lucas Soares – 44
4 – Patrick Capila – 36
5 – Willian Dalmonech – 32

Over 35
1 – Nielsen Bueno – 50
2 – João Vitor Ferreira de Lima – 42
3 – Anderson Vieira – 38
4 – Diogo Resende Nobre de Andrade – 35
5 – André Barbosa – 33

Feminina
1 – Janaína Souza – 50
2 – Bárbara Neves – 44
3 – Tainá Aguiar – 40

Light
1 – Thiago Wernersbach – 50
2 – Jaime Zorzal – 44
3 – Marcos de Souza – 40
4 – Guilherme Borges – 18
5 – Luis Daltoso – 16

Over 40
1 – Cassiano Tebaldi – 50
2 – Luciano Lima – 44
3 – Marcos Bartelle – 40
4 – Alessandro Guimarães – 18
5 – Flavio Lisandro – 16

Over 45
1 – Laurindo Zatorski Filho – 47
2 – Evandro Bozetti – 45
3 – Marcos Benvenutti – 38
4 – Pélmio Simões – 36
5 – Maurício Fernandes – 32

Over 50
1 – Sérgio Colett – 47
2 – Jean Pierre Buttazzi Júnior – 47
3 – Luiz Carlos de Barros – 40
4 – Jefferson – 36
5 – Roberto Theodoro – 32

Amador
1 – Willian Palandi – 50
2 – Lucas Nagano – 22
3 – Breno Nagano – 20
4 – Marcos Dollis – 18
5 – Valter Pimenta – 16

FOTOS: Jan Jão Santiago e Fred Mancini 
Publicado por: quadx4